Desejo de ser d’água…

copo d'água

Daria meu reino por um copo d’água

Mas não um copo d’água comum…

Tinha que ser um copo d’água que tivesse o poder de matar minha sede

Sede de justiça, Sede de viver, Sede de amor, Sede de poder…

Poder brincar, Poder crescer, Poder me divertir, Poder amar, Poder ser feliz.

Eu quero poder colocar dentro desse copo uma água pura

Água cheia de vida, água da fonte da juventude.

Quero poder nadar nessa água, bebe-la sem medo de me envenenar.

Quero viver nessa água como a Pequena Sereia dos meus contos de infância…

E não quero criar pernas nunca, pra não sofrer em terra firme.

Quero transformar esse copo d’água nas minhas Vinte Mil Léguas Submarinas… 

Com aventuras amenas, bem mais trânquilas.

Quero poder brincar de procurar o Nemo…

Mudar seu nome e transformalo num Monet.

Quero olhar as paisagens em volta dessa água e vê-las lindas, como num quadro.

Quero viver as tormentas dessa água sabendo que sempre vem a calmaria, mais cedo ou mais tarde…

E depois de um dia, quero descançar nessa água sob o reflexo de uma lua linda!

Djuli Themistocles

lua e mar

Anúncios

1 Comentário

  1. Que sensível, e sincero… sudade de vc!


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s